Projeto Gugu: 16 anos de sucesso
Veículo: O Fluminense

Por: Fernanda Pereira

Dezesseis anos colaborando para que a terceira idade tenha melhor qualidade de vida. O aniversário do Projeto Gugu, que oferece atividades esportivas e culturais para idosos de Niterói e do Rio, foi comemorado com uma olimpíada entre os núcleos, no Ginásio Caio Martins, em Icaraí, na manhã de sábado. Cerca de 1,6 mil idosos se exercitaram e, acima de tudo, se divertiram com vôlei, lençolbol, hip hop, dança de salão, e muitas brincadeiras.

Esta foi a 5ª edição dos Jogos da Amizade, que reúne os 37 núcleos do projeto. O evento foi iniciado com um desfile com todos os participantes e 26 professores. O idealizador e coordenador do projeto, Carlos Augusto Bittencourt, o Gugu, de 83 anos, deu um exemplo de condicionamento físico, fazendo uma corrida com a tocha olímpica. Ele ascendeu a pira simbólica do espírito esportivo. Emocionado, foi cumprimentado por vários idosos, que tiveram a vida transformada depois de iniciar as atividades.

"Eu me sinto realizado com esse projeto. Quem frequenta, apresenta diversas melhoras. Melhora fisicamente, socialmente, desenvolve auto-estima, passa a se achar mais capaz. É só perguntar para as pessoas, todas dirão o mesmo. Vejo a transformação no rosto de cada uma delas. O resultado é fantástico", disse Gugu.

Projeto começou, por acaso, em 1995

O trabalho começou, por acaso, em 1995, depois que o médico ortopedista deu uma palestra sobre terceira idade. Ele conta que um grupo de 50 senhoras o procurou, querendo fazer ginástica, mas não sabiam onde encontrar exercícios adequados para idosos.

A condição física não é o único benefício do projeto. O aposentado Silvio Teixeira, de 76 anos, contou que após a ginástica, um grupo de 12 pessoas do núcleo de Santa Rosa se reúne em sua casa para o café da quarta-feira. "Depois que a gente envelhece, os filhos se afastam para cuidar da própria vida e nós ficamos em casa, acomodados e nos sentindo sozinhos. Há oito anos, eu e minha esposa encontramos esse caminho, que mudou tudo na nossa casa. Temos novos amigos, novos compromissos e nos divertimos muito, sempre", contou o idoso que se divertiu, no sábado, com o vôlei de bolão.

Na parte da tarde, os idosos receberam medalhas, mas ninguém se importou com o pódio. Todos saíram vitoriosos por terem mais saúde e alegria.

Clique aqui para baixar o arquivo em PDF

< Voltar